Login  Recuperar
Password
  19 de Novembro de 2017
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Escolhas do Editor, Economia
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

AIRO avança com parceria para atrair investidores suíços à Região Oeste

A Associação Empresarial da Região Oeste (AIRO) estabeleceu um protocolo com o objetivo de promover a região Oeste e atrair investidores suíços. Esta região foi a primeira a ser visitada pelos mentores do Business Hub Suisse-Portugal, João e Marina Prévost-Mürier. Na passada segunda-feira tiveram um encontro com Miguel Silvestre, diretor do Parque Tecnológico de Óbidos (PTO), e com o presidente da Câmara Municipal das Caldas da Rainha (CMCR), Tinta Ferreira.

14-02-2017 | Marlene Sousa

Jorge Barosa, Marina Prévost-Mürier, Tinta Ferreira, João Prévost-Mürier e Sérgio Félix
Jorge Barosa, Marina Prévost-Mürier, Tinta Ferreira, João Prévost-Mürier e Sérgio Félix
Uma parceria entre a AIRO e um núcleo de empresários da Suíça quer promover a vinda de investidores suíços a Portugal para fomentar trocas comerciais entre os dois países.
O business hub Suisse -Portugal tem por missão valorizar e divulgar as potenciais trocas económicas bilaterais entre a Suíça e Portugal, mas também informar, através de eventos, os empresários, tanto portugueses como suíços, da abertura da sua atividade económica ao país homólogo.
“O objetivo é divulgar as potencialidades de Portugal, a nível turístico, empresarial de pesquisa e desenvolvimento e até a gastronomia, que são quase totalmente desconhecidas na Suíça”, afirmou João Prévost-Mürier.
O PTO e a CMCR foram os dois primeiros parceiros visitados pelos mentores do Business Hub Suisse-Portugal, na passada segunda-feira.
A vinda a esta região surgiu num almoço de trabalho em Lisboa, onde Jorge Barosa, diretor da AIRO, revelou aos responsáveis do núcleo de negócios da Suíça as potencialidades desta região. “Marina Prévost-Mürier tinha intenção de ir para o norte do país e eu falei das capacidades desta região e daí que surgiu esta parceria”, disse Jorge Barosa, destacando a importância do Oeste ser a primeira região a ser visitada.
Segundo este responsável, a AIRO vai ser o “elo de ligação do núcleo de negócios da Suíça e o objetivo é trazer visitantes à região e atrair investidores”.
A primeiro resultado prático da visita será a vinda ao Oeste de “uma delegação de banqueiros suíços para uma formação na área de direito fiscal internacional para que possam perceber como funciona o sistema no nosso país”, revelou o diretor da AIRO.
Em declarações à imprensa depois da visita a Óbidos e Caldas, João e Marina Prévost-Mürier destacaram as “grandes potencialidades, tanto ao nível de serviços e instalações do parque tecnológico” como de “projetos que podem captar investimento”, como a construção de um hotel nos centenários pavilhões do Parque D. Carlos I.
Marina Prévost-Mürier, luso-descendente, diz que está a descobrir a “região Oeste, que tem imensos potenciais que temos que promover na Suíça”, daí que o seu objetivo seja colmatar “a inexistência de uma câmara de comércio na Suíça, quando em Portugal já existe há mais de 30 anos” e avançar com “uma rede de relações comerciais que atraia potenciais investidores”.
Quanto ao concurso para a concessão dos pavilhões do parque das Caldas da Rainha para a instalação de um hotel privado, João Prévost-Mürier disse que o que é preciso “é divulgar o projeto na Suíça para que possam haver investidores”.
Marina Prévost-Mürier afirmou que também vão promover o PTO, que está muito “bem localizado, tem preços acessíveis e estruturas ótimas”.
O presidente da Câmara das Caldas revelou que “estivemos a trocar impressões sobre o potencial de investimento que pode haver nas Caldas da Rainha e espero que tragam pessoas interessadas em criar riqueza no concelho”, considerando os Pavilhões do Parque uma oportunidade para os investidores porque “daria um extraordinário hotel de referência internacional”.
Depois do Oeste, os representantes do núcleo empresarial reuniram-se com organizações congéneres na região Norte do país, e os encontros no Porto foram com empresários da área do imobiliário.
O Business Hub Suisse-Portugal tem a sua sede em Genebra, possuindo igualmente uma delegação instalada em Lisboa. O seu papel de catalisador de negócios tem por finalidade incentivar as trocas comerciais entre os dois países, disponibilizando ferramentas e aconselhamento de forma a fomentar uma abordagem empresarial bem sucedida.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar