Login  Recuperar
Password
  17 de Julho de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Caldas da Rainha, Educação
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

A minha vida de universitário

O JORNAL DAS CALDAS recolheu as histórias de treze jovens que acabaram ou estão a concluir os estudos universitários.

14-06-2016 |

João Silva, à esquerda, com dois amigos da Covilhã
João Silva, à esquerda, com dois amigos da Covilhã
Pedimos que transmitissem como foi ou tem sido a vida de estudante distante (uns mais do que outros) da área de residência, como foi a experiência, os desafios, as dificuldades iniciais e como se tornou mais fácil. Também quisemos perceber que respostas de alojamento tiveram e como geriram despesas com casa, transporte, alimentação e custos da universidade. Por último, deixaram conselhos para os futuros universitários.João Silva, 21 anos, Caldas da Rainha

“Começar a viver sozinho fez-me crescer muito”

Em 2012 entrei na Universidade da Beira Interior, na Covilhã, e em 2015 finalizei a minha licenciatura em Ciências do Desporto, mudando-me de seguida para a Faculdade de Motricidade Humana em Lisboa.
Ir estudar para longe de casa é de certa maneira difícil. Apesar de não ter sido a minha primeira escolha, ao fim de um ano não quis pedir transferência. Entrei na Covilhã sem conhecer ninguém, mas logo no dia da inscrição encontrei um amigo que tinha estado na minha turma do 1º ao 4º ano. A juntar a isso, tinha uma amiga nesta cidade, também das Caldas, que me ajudou bastante, assim o que parecia solitário e difícil tornou-se bastante diferente. Começar a viver sozinho foi uma maneira de me motivar e fez-me crescer muito.

Alojamento e despesas:
O que mais me poderia causar dificuldades era o alojamento. Sozinho nunca quis ir para uma residência, então juntamente com o amigo que antes referi, encontrámos uma casa onde o senhorio facilitou todo o processo de divisão de despesas, fixando um preço mensal.
Nos anos seguintes, e à medida que comecei a criar grandes amizades, falei com um amigo do meu curso e decidimos ficar no mesmo quarto numa residência académica, para alívio de despesas para os meus pais, e algo que me permitiu pensar nas outras pessoas, respeitando-as e exigindo respeito também. Contudo, viver numa residência nem sempre é um conto de fadas, existe muita gente lá, e o sossego nem sempre é conseguido, já para não falar que a partilha de quarto não oferece a privacidade que um quarto só para mim oferecia. Apesar disto, dos três anos vividos na Covilhã, o segundo e o terceiro numa residência académica foram os melhores.
Viver longe de casa tem um problema que é os transportes desde a nossa cidade até à que estudamos, no meu caso bastante tempo de viagem, cerca de quatro horas. Assim, ao longo dos três anos o tempo que ficava na Covilhã foi aumentando, tornando as pessoas de lá que estavam na mesma situação do que eu numa segunda família. De promessas de que iria a casa todas as semanas, acabei o último ano a ir de três em três meses.

Conselhos para futuros universitários:
Estudar para longe da sua cidade é algo que aconselho a toda a gente, mas pensar no que a cidade nos pode dar é bastante importante. Uma cidade mais pequena e acolhedora como a Covilhã permite viver tempos fantásticos, onde a proximidade com as pessoas é bastante grande, faz-nos crescer muito e criar grandes amizades com pessoas ao início desconhecidas, mas que têm as mesmas necessidades do que nós. São amizades que ficam para a vida.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar