Login  Recuperar
Password
  27 de Setembro de 2021
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Escolhas do Editor, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Bombeiros lançam concurso para monumento de homenagem

Foi apresentado na passada sexta-feira o concurso para a realização de um monumento aos Bombeiros Voluntários das Caldas da Rainha, com intuito de “homenagear os 125 anos de história desta instituição”.

27-07-2021 | Mariana Martinho

Entidades presentes na cerimónia de lançamento do concurso
Entidades presentes na cerimónia de lançamento do concurso

O concurso, que será promovido com o apoio da Câmara Municipal das Caldas da Rainha e que será aberto a “todos os escultores de nacionalidade portuguesa ou estrangeira”, pretende a realização de um monumento “em que predomine a linguagem figurativa, que transmita os princípios e valores dos Bombeiros Voluntários, e em particular a identidade da corporação das Caldas da Rainha”. Com vista a ser instalado na Rotunda dos Hortas, a peça terá que ser feita em material cerâmico, no todo ou em parte, com caraterísticas técnicas adequadas às condições do espaço exterior.
Segundo o diretor do Centro de Artes das Caldas da Rainha, José Antunes, que será o coordenador da iniciativa, “este concurso procura ir ao encontro de algumas das prerrogativas que os próprios bombeiros viam como linhas mestras desta homenagem que querem fazer a esta grande instituição, tendo como fator preferencial a integração da cerâmica como homenagem à cidade”.
“Queremos também que este monumento seja um tributo digno à escultura, tendo os bombeiros como tema”, esclareceu José Antunes, adiantando que cada candidato só poderá apresentar uma proposta a concurso, que será dividido em duas etapas.
Na primeira fase, o júri que será composto por cinco elementos - o presidente da Câmara Municipal, o presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários das Caldas da Rainha (AHBVCR), o comandante da AHBVCR, um representante designado pela ESAD.CR, e o artista plástico José de Santa-Bárbara, selecionará de entre todas candidaturas válidas, que terão de ser enviadas até 30 de outubro, os três projetos finalistas.
Posteriormente, os três autores finalistas terão de apresentar uma maquete, que será avaliada pelo júri e a atribuída a classificação, sendo que o 1º classificado será convidado a realizar e a produzir o monumento, bem como receberá um prémio de 20.000 euros. “Se o júri chegar à conclusão que nenhum dos projetos responde ao repto do projeto e aquilo que considero o objeto do concurso, ficará sem efeito esta primeira candidatura”, esclareceu o diretor do Centro de Artes, adiantando que o vencedor do concurso dispõe de seis meses para concluir os trabalhos de conceção e instalação da obra vencedora. Ou seja, “dentro de um ano teremos o monumento”.
A peça terá “um orçamento máximo de 45.000 euros”, montante esse suportado pela Câmara Municipal das Caldas da Rainha. “O município decidiu dar este contributo como homenagem por tudo o que os bombeiros têm feito, em prol da comunidade caldense”, explicou o presidente da Câmara Municipal, Tinta Ferreira, destacando que “a corporação merece que fique registado no espaço público o seu trabalho e o reconhecimento coletivo da nossa população aos bombeiros”.
Para o comandante dos Bombeiros Voluntários das Caldas da Rainha, Nelson Cruz, “este é um sonho antigo dos bombeiros das Caldas da Rainha em ter um monumento que viesse homenagear a história desta instituição e o que os bombeiros têm feito em prol da comunidade caldense, quer no socorro, quer na vida diária, naquilo que são as diversas valências da instituição”. Nesse sentido, “solicitámos ao município o apoio para que se tornasse este sonho realidade, sendo ainda um projeto que recorda o nosso saudoso presidente Abílio Camacho”.
Já o presidente dos AHBVCR, Luís Botelho, referiu que “este é um desejo dos meus antecessores, um monumento em honra dos bombeiros, que tudo têm feito para o bem desta comunidade”.
Todas as informações sobre o concurso estão disponíveis no site dos bombeiros, em www.bombeiroscrainha.pt.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar