Login  Recuperar
Password
  21 de Fevereiro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Desporto
Gravar em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Árbitro de Peniche criticado pelo Benfica

A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) afirmou em comunicado, que “não compreende e não concorda” com a dispensa temporária de Fábio Veríssimo, por decisão do árbitro e do Conselho de Arbitragem federativo da Federação Portuguesa de Futebol.

30-01-2019 |

A APAF manifestou “apoio” a Fábio Veríssimo, natural de Peniche, que desempenhou as funções de videoárbitro (VAR) no jogo entre o Benfica e o FC Porto (vitória dos ‘dragões’ por 3-1), na meia-final da Taça da Liga, em Braga.
“Não podemos aceitar a forma como o Fábio [Veríssimo] foi quase ‘crucificado’ por parte de pessoas com responsabilidade no futebol nacional e que não imaginam a pressão de ter de decidir em frações de segundo, mesmo na função de VAR”, assinalou.
“Nunca deixaremos que a arbitragem seja o bode expiatório para justificar o insucesso de outros e ceda a comentários ou pressões de dirigentes”, acrescentou.
Na nota, a APAF “repudia e condena o conjunto de declarações, apreciações e verdadeiras ofensas que têm sido levianamente proferidas pelos mais variados agentes desportivos ao longo dos últimos dias”.
Fábio Veríssimo vai cumprir um período indeterminado de dispensa, por considerar que a sua forma não é ideal, informou o Conselho de Arbitragem, que recebeu e aceitou um pedido de dispensa efetuado pelo árbitro internacional de primeira categoria.
O árbitro foi criticado pelo presidente do Benfica, após o clássico. “Quando assistimos alguém com câmara de televisão à frente, é árbitro e não consegue distinguir em lance de TV se é fora de jogo ou não…se não consegue distinguir, no lance do primeiro golo do FC Porto, se é falta ou não, este homem não pode arbitrar mais”, referiu Luís Filipe Vieira.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar