Login  Recuperar
Password
  19 de Fevereiro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Regional
Gravar em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

PS preocupado com insegurança no concelho de Peniche

O presidente da Concelhia de Peniche do Partido Socialista, Henrique Estrelinha, e o presidente da Junta de Freguesia de Ferrel, Pedro Barata, reuniram com os deputados eleitos pelo círculo eleitoral de Leiria (Margarida Marques, António Sales, Odete João) e com a secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Isabel Oneto, preocupados com a “insegurança que se vive no concelho de Peniche”. Antes disso, a mesma delegação tinha reunido com o deputado Filipe Neto Brandão, coordenador do PS na 1ª Comissão da Assembleia da República.

13-02-2019 |

Na sessão da Assembleia Municipal de Peniche de setembro de 2018, a bancada do Partido Socialista apresentou uma moção onde alertava os órgãos autárquicos, forças de segurança e o Ministério da Administração Interna sobre os vários assaltos na cidade de Peniche e também os distúrbios no Baleal, na zona de diversão noturna, onde se verificaram dois tiroteios, em duas noites distintas.
No decorrer do mês de dezembro de 2018 e janeiro deste ano, verificou-se uma onda de assaltos a estabelecimentos comerciais, a pessoas na via pública e em habitações, um casal de idosos agredido violentamente na sua própria casa, o condutor de uma carrinha de distribuição de tabaco foi alvo de tiroteio em plena luz do dia, entre outras situações.
“Perante a inércia do presidente da Câmara Municipal de Peniche, os responsáveis da Concelhia de Peniche do PS decidiram tomar as diligências necessárias e reunir com os responsáveis políticos. É do conhecimento da autarquia que a esquadra da PSP de Peniche não tem os efetivos necessários para fazer o seu trabalho da melhor forma. Este é o resultado do desinvestimento no recrutamento de novos agentes: em quatros anos e meio, o governo PSD/CDS apenas realizou um recrutamento de novos agentes, enquanto o atual Governo, em três anos, realizou três recrutamentos, preparando-se para abrir um novo processo de recrutamento este ano, tanto na PSP como na GNR. Tendo em conta o desinvestimento no passado, demorará a reposição que é necessária fazer”, manifestam os socialistas.
“O concelho de Peniche entre os meses de abril e outubro tem uma afluência de turistas, que no pico do verão faz triplicar a população residente. Esta situação conduz ao aumento de furtos. Acresce o facto de Peniche ter uma população com carências económicas, para além de outros problemas sociais. Preocupa-nos também a venda de estupefacientes em plena luz do dia nas principais ruas da cidade e na praia do Baleal”, referem, exigindo o aumento do efetivo da PSP e da GNR.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar