Login  Recuperar
Password
  16 de Agosto de 2018
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Regional
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

O mais longo eclipse total da lua

O mais longo eclipse total da lua deste século teve lugar na passada sexta-feira e foi visível em quase todo o mundo. O tom vermelho foi predominante, por causa da luz projetada pelo sol.

01-08-2018 |

Imagem de Carlos Tiago captada em Peniche
Imagem de Carlos Tiago captada em Peniche
Por definição, o eclipse total da lua ocorre quando "a Terra se encontra entre o sol e a lua, de forma a projetar a sua sombra na lua, e a lua atravessa completamente a sombra da Terra", refere o portal do Observatório Astronómico de Lisboa.
É o mais longo do século, com a duração de uma hora e 45 minutos, o que é dois minutos a mais do que todos os outros que ocorreram desde 2000, ou que vão ainda ocorrer até 2100. Os dois minutos a mais têm sobretudo que ver com questões de geometria: na sua ronda pelo céu, a lua passa exatamente no centro da sombra da Terra.
Em Portugal foi visível durante cerca de 50 minutos, pois quando a lua nasceu já estava em eclipse total.
Em Peniche, Carlos Tiago observou o eclipse perto das 22h e tirou esta foto que publicamos.
No dia 9 de Junho de 2123 o eclipse total durará uma hora e 46 minutos.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar