Login  Recuperar
Password
  19 de Junho de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Regional
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Aldeia Rural, mercearia de produtos a granel, abriu segunda loja na Nazaré

Depois de abrir a sua primeira loja em Caldas da Rainha, a Aldeia Rural Mercearia decidiu apostar na abertura de um segundo espaço, desta vez na Nazaré, na antiga Casa do Benfica. Neste novo espaço, que recria uma mercearia “como as de antigamente” mas com um toque moderno, há várias marcas centenárias, produtos a granel, chocolates com tradição e muita fruta e vegetais frescos.

05-06-2019 | Mariana Martinho

O novo espaço criou dois novos postos de trabalho
[+] Fotos
O novo espaço criou dois novos postos de trabalho
Este espaço, que abriu no dia 11 de abril, faz parte de um projeto com quase 16 anos da alcobacense Margarida Jorge. “Há uns anos frequentei um curso de empreendedorismo, em que desenvolvi todo o projeto, mas acabou por ficar em pausa até que há dois anos decidi abrir finalmente a Mercearia Rural, primeiro em Caldas e agora, na Nazaré”, explicou a empresária, adiantando que o negócio também surgiu “por saudosismo e nostalgia de ver as antigas mercearias”.
Face ao desaparecimento da venda a granel devido às grandes superfícies comerciais, Margarida Jorge decidiu reaproveitar a tradição antiga, prestando uma “espécie de homenagem às mercearias tradicionais”.
Como o “negócio tem corrido muito bem nas Caldas”, Margarida Jorge decidiu avançar para abertura do segundo espaço do projeto, desta vez, próximo da sua área de residência, a Nazaré.
O novo espaço, que está localizado fora do centro da vila, tem “o mesmo conceito e produtos que a mercearia das Caldas da Rainha”. Para além dos produtos a granel, que estão colocados em dispensadores automáticos ou em caixas transparentes com doseadores, é possível encontrar na Aldeia Rural “um bocadinho de tudo o que é nacional”, como queijos, enchidos, salsichas, batatas, sardinhas em lata, compotas, pão, sal, azeite, mel, cogumelos, biscoitos biológicos, bolachas, produtos sem glúten entre outros. Há ainda uma montra só de especiarias, na qual a diferença de preço “é flagrante”, quando este é comparado com o dos frascos vendidos nos supermercados, sublinhou a empresária.
Tal como a primeira loja, este segundo espaço reúne várias marcas nacionais num só local, como por exemplo “marcas que não se vendem na cidade e produtos de produtores locais”.
Além disso, e como é uma pequena produtora de maçã de Alcobaça, pera rocha, e ginja, “todos os dias tem frutas e legumes frescos para vender”. Futuramente, Margarida Jorge pretende abrir mais duas mercearias, noutras localidades próximas, como Alcobaça.
O estabelecimento, que permitiu a criação de dois novos postos de trabalho, está aberto todos os dias entre as 9h00 e as 13h30 e entre as 14h30 e as 20h00.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar