Login  Recuperar
Password
  19 de Junho de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Ocorrências
Gravar em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Caldense morre em queda de ultraleve

Um fruticultor das Caldas da Rainha apaixonado pela aviação civil morreu no passado domingo na sequência da queda do ultraleve que testava em Leiria e que era pilotado por um empresário da cerâmica, igualmente falecido no acidente.

13-06-2019 | Francisco Gomes


Era um voo de treino de adaptação ao Bristell NG5, uma aeronave com sete anos que Nelson Machado, de 43 anos, aprendia a pilotar, e que era mostrado pelo piloto e instrutor Manuel Santiago, de 67 anos, natural do Juncal, Porto de Mós.
Por razões desconhecidas e que estão a ser investigadas pelos peritos do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários, o ultraleve, que voava nas imediações do aeródromo José Ferrinho, caiu a pique, estatelando-se no solo, num terreno florestal próximo da pista, antes das cinco da tarde.
O embate provocou uma explosão e incêndio. As vítimas morreram carbonizadas.
O caldense, da Fanadia (União de Freguesias de Nossa Senhora do Pópulo, Coto e São Gregório), foi secretário da mesa da assembleia na antiga freguesia de São Gregório e era um empreendedor agrícola bem sucedido.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar