Login  Recuperar
Password
  23 de Setembro de 2018
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Sociedade, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Início do ano letivo 2018/2019 nas Caldas da Rainha

As aulas começam a 17 setembro para a maioria dos alunos da região. O arranque deste novo ano letivo está agendado entre os dias 12 e 17 de setembro para os cerca de 8 mil alunos dos concelhos das Caldas da Rainha. Os diferentes agrupamentos e instituições privadas escolheram várias datas para a receção aos alunos, contudo, a maioria regressa à escola na próxima segunda-feira.

12-09-2018 | Marlene Sousa

Arranque deste novo ano letivo para os cerca de oito mil alunos do concelho das Caldas
Arranque deste novo ano letivo para os cerca de oito mil alunos do concelho das Caldas
Agrupamento de Escolas Raul Proença

No Agrupamento de Escolas Raul Proença (AERP) as aulas iniciam-se no dia 17 em todas as escolas, contudo, no dia 14 irá decorrer a receção aos alunos e encarregados de educação das turmas de início de ciclo.
O AERP vai iniciar o ano letivo 2018/2019 com 2705 alunos.
No pré-escolar do AERP existem 13 grupos, no 1º ciclo 32 turmas, no 2º ciclo 15 turmas, no 3º ciclo 29 turmas e no secundário são 26 turmas (total 13 grupos e 102 turmas).
A exemplo dos anos anteriores vai ter o Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos.
Segundo o diretor do AERP, João Bernardes Silva, no que concerne aos horários anuais, “já temos todos os professores colocados e para os horários temporários ainda não abriu a aplicação para os solicitar”. Neste momento, o agrupamento tem 207 professores.

Colégio Rainha D. Leonor

No Colégio Rainha D. Leonor (CRDL), no dia 14 de setembro irá decorrer a receção aos alunos e início da atividade letiva do 1.º ciclo.
As aulas começam a 17 setembro para os restantes alunos.
O CRDL vai ter este ano letivo 22 turmas (pré-escolar ao 12.º) e 442 alunos.
Quanto aos cursos profissionais vão funcionar no 10.º ano o curso de Técnico de Desporto e o curso de Técnico de Comunicação, Marketing Relações Públicas e Publicidade com 52 alunos.
Segundo a direção pedagógica, os 34 professores para lecionarem este ano letivo já estão todos colocados.

Colégio Frei Cristóvão

A mesma calendarização foi escolhida pelo Colégio Frei Cristóvão, em A-dos-Francos com as apresentações a 14 e as aulas a iniciarem a 17 de setembro. Este ano letivo o Colégio Frei Cristóvão vai funcionar com 11 turmas e 274 alunos.

Agrupamento de Escolas Rafael Bordalo Pinheiro

No Agrupamento de Escolas Rafael Bordalo Pinheiro (AERBP) a receção aos alunos é no dia 14 de setembro, mas as aulas iniciam no dia 17 para todos os alunos.
Segundo a diretora do AERBP, Maria do Céu Santos, na Escola Secundária Bordalo Pinheiro este ano existem 58 turmas (diurno e noturno) e 1502 alunos (1412 em regime diurno e 90 em regime noturno). “Neste estabelecimento de ensino atingimos a nossa capacidade máxima e temos alunos a quem não foi possível dar vaga. Tínhamos alunos-candidatos para mais três turmas”, revelou a responsável.
Quanto aos cursos profissionais, vão funcionar este ano 12 cursos organizados em 19 turmas: Apoio à Infância (1º e 3º anos); Apoio à Gestão Desportiva (1º,2º e 3ºanos); Audiovisuais (1º, 2º e 3ºanos); Comercial (1º e 2ºanos); Comunicação -  Marketing, Relações Públicas e Publicidade (3ºano); Design de Moda (2ºano); Desporto (2ºano); Eletrónica, Automação e Computadores (1º e 3º anos); Eletrotecnia (2ºano); Mecatrónica Automóvel (1º,2º e 3ºanos); Sistemas Informáticos (1º,2º e 3º anos) e Turismo (1º, 2º e 3º anos). No total o AERB tem 200 docentes

Agrupamento de Escolas D. João II
 
No Agrupamento de Escolas D. João II as aulas vão iniciar no dia 17 de setembro para todos os alunos (educação pré-escolar – 9h00, no estabelecimento de ensino onde estiver matriculado; 1.º ciclo – 9h00, no estabelecimento de ensino onde estiver matriculado; 5.º ano – 10h00, na EB D. João II e 6.º, 7.º, 8.º e 9.º anos - 15:00h na EB D. João II).
Neste agrupamento as reuniões estão agendadas para dia 13 de setembro. Pelas 18h30, reuniões nos jardins de infância e escolas básicas com os pais e/ou encarregados de educação das crianças da educação pré-escolar com vista à preparação do ano letivo. Pelas 21h00, reunião da direção do Agrupamento com os encarregados de educação dos alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico, no ginásio da Escola Básica D. João II.
No dia 17 de setembro, às 10h30, haverá uma reunião geral de pais dos alunos do 2.º e 3.º ciclos, no ginásio da EB D. João II.
Este agrupamento de escolas é constituído por 15 estabelecimentos de ensino que vão desde a educação pré-escolar passando aos 1.º, 2.º e 3.º ciclos, num total de 92 turmas (Educação Pré-escolar - 16 grupos; 1.º Ciclo - 35 turmas; 2.º Ciclo - 17 turmas; 3.º Ciclo - 24 turmas).
À presente data, o número total de alunos é de 1941 estudantes, distribuídos da seguinte forma: educação Pré-escolar - 295 crianças; 1.º Ciclo do Ensino Básico - 685 alunos; 2.º Ciclo do Ensino Básico - 413 alunos e 3.º Ciclo do Ensino Básico - 548 alunos.
Atualmente, encontram-se colocados neste agrupamento de escolas 177 docentes.
O agrupamento tem também uma turma de Curso de Educação e Formação de nível II - Instalação e Operação de Sistemas Informáticos, no 2.º ano do curso.
Além desta oferta, oferece Cursos EFA B2 (2.º Ciclo) e EFA B3 (3.º Ciclo) e PFOL (português para falantes de outras línguas), 2 turmas de A1+ A2 e 1 turma de B1 + B2, a serem lecionados na EB D. João II.
Em parceria com o EPCR (Estabelecimento Prisional das Caldas da Rainha) o agrupamento leciona EFA B1+B2 e EFA B3 e, ainda, UFCD de Assistente Administrativo.
Jorge Graça, diretor do Agrupamento D. João II, espera que seja um “excelente ano letivo 2018/2019”, salientando que a direção “estará à altura de tão grande desafio, com perfeita consciência de todas as dificuldades que lhe são inerentes e sabendo que estaremos “Juntos a Construir o Futuro”.

ETEO

Na Escola Técnica Empresarial do Oeste, as turmas do 10º ano (portanto, os caloiros nesta escola) iniciam as atividades a 13 e 14 de setembro e os restantes anos no dia 17.
Na ETEO, este ano letivo irão frequentar a escola 350 alunos e estão colocados 48 professores, para a oferta formativa 18/19 de Técnico de Turismo, Técnico Auxiliar de Saúde, Técnico de Gestão, Técnico de Multimédia e Animador Sociocultural.

Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste

Na Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO) o início das atividades letivas está marcado para 27 de setembro (Dia Mundial do Turismo), com a receção aos novos alunos. Encerrou a 11 de setembro a segunda fase de candidatura nacional no portal das escolas da rede de turismo, no entanto, quem ainda se quiser candidatar deve dirigir-se à secretaria da Escola. A EHTO tem este ano 250 alunos (12 turmas) e o tema este ano, definido pela Organização Mundial do Turismo (OMT), é “Turismo, as Transformações Digitais”.
Para os alunos com o 9º ano estes são os cursos que vão ser lecionados: Operações Turísticas e Hoteleiras; Técnicas de Serviço de Restauração e Bebidas e Técnicas de Cozinha/Pastelaria.
Para quem tem o 12º ano os cursos são: Gestão de Turismo, Gestão e Produção de Pastelaria. Vai decorrer a 4ª edição de Padaria Avançada e a nova turma de Turismo de Saúde e Bem-Estar.

Cencal

O Cencal vai iniciar em outubro deste ano um conjunto de cursos profissionais dirigidos a jovens: Marcenaria – para jovens com o 6º ano completo - equivalência escolar ao 9º ano; Técnico Comercial - para jovens com o 9º ano completo - equivalência escolar ao 12º ano e Técnico Multimédia - para jovens com o 9º ano completo - equivalência escolar ao 12º ano.
Estes cursos integram uma componente de formação em empresas da região e podem constituir uma porta de entrada no mercado de trabalho. Além disso, os cursos com equivalência ao 12º ano permitem também que os formandos possam mais tarde candidatar-se ao ensino superior.
Estão em aberto inscrições para alguns percursos de formação destinados a desempregados, nomeadamente, Cerâmica para Designers; Azulejaria Portuguesa e Cuidados Básicos para Idosos.
Em novembro, o Cencal tem previsto um curso de Especialização Tecnológica em Ofícios de Arte – Cerâmica e Vidro para jovens e adultos com o 12º ano completo. Este curso irá decorrer em Caldas da Rainha e na Marinha Grande.
O Cencal tem ainda uma vasta oferta formativa dirigida a profissionais de empresas e desempregados através de ações de formação de curta duração em horário pós-laboral, nomeadamente nas áreas de Cerâmica e Vidro, Informática, Multimédia, Higiene e Segurança no Trabalho, Liderança e Trabalho de Equipa, HACCP e Línguas Estrangeiras. Os interessados podem consultar a oferta formativa em www.cencal.pt.

Cenfim

No Cenfim, núcleo de Caldas da Rainha, os alunos retomaram a formação a 3 de setembro, havendo ainda cursos a iniciar brevemente. Este ano letivo o Cenfim terá cerca de 150 estudantes.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar