Login  Recuperar
Password
  19 de Fevereiro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Sociedade, Caldas da Rainha
Gravar em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Ex-Procurador coordena Investigação e Ação Penal

O ex-Procurador da República no círculo judicial das Caldas da Rainha, Albano Morais Pinto, é o novo diretor do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP)

23-01-2019 |

Nascido em 1955, em Coimbra, licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, ingressou no Ministério Público em 1982. Em 2000 foi colocado nas Caldas da Rainha e depois, no círculo judicial de Leiria onde desempenhou funções de coordenador durante quase uma década.
Em 2014, foi promovido a Procurador-Geral Adjunto. Entre Setembro de 2002 e Agosto de 2004 exerceu o cargo de Diretor Nacional Adjunto (da Direção Central de Investigação da Corrupção e Criminalidade Económica e Financeira) da Polícia Judiciária.
Ao longo dos últimos anos, publicou textos e estudos sobre diversos temas, designadamente, referentes à criminalidade grave, económico-financeira e complexa e, em geral, sobre processo penal. Exercia, atualmente, funções no Supremo Tribunal de Justiça e, em acumulação, funções de auditor jurídico nos Ministérios da Administração Interna e da Defesa Nacional.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar