Login  Recuperar
Password
  19 de Fevereiro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Sociedade, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Formador e aluno da EHTO animaram Feira do Livro de Guadalajara

A Feira Internacional do Livro de Guadalajara, que decorreu entre 24 de novembro e 2 de dezembro, no México, teve como país convidado Portugal. Além do programa literário, que incluiu visitas a escolas, lançamento de livros, sessões de leitura e encontros com leitores, decorreu paralelamente uma mostra gastronómica, ao longo dos nove dias do evento, sob a responsabilidade do chefe Luís Tarenta e Diogo Simões, aluno do 3º ano de Técnicas de Cozinha e Pastelaria (TCP), ambos da Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste (EHTO).

23-01-2019 | Mariana Martinho

O chefe Luís Tarenta e a equipa que o ajudou na preparação dos pratos
[+] Fotos
O chefe Luís Tarenta e a equipa que o ajudou na preparação dos pratos
Este encontro editorial, que envolveu escritores e editores que representaram várias gerações, atravessando os diversos géneros literários, do romance policial à poesia, passando pelo ensaio, a crónica e o conto, nasceu há 32 anos pela Universidade de Guadalajara.
Na edição de 2018, em que Portugal foi o convidado de honra, sob o tema “O Futuro é a Aurora do Passado”, a FIL contou com o apoio do Turismo de Portugal, que se associou ao evento, tendo sido a EHTO a escolhida para representar o país.
Para o chefe, a “experiência gastronómica e cultural foi muito interessante”, pois “permitiu realizar um intercâmbio gastronómico muito enriquecedor”. Além de ter preparado o jantar inaugural da FIL, com uma ementa queirosiana, inspirada numa obra de Eça de Queiroz para mais de 750 pessoas, também permitiu que se degustasse e apreciasse a comida tradicional mexicana.
Ao longo dos nove dias da mostra gastronómica, sob a responsabilidade do chefe foram dados a degustar diversos pratos tradicionais portugueses, como os enchidos, o bacalhau, o cabrito, e o leitão, tendo sido o prato que mais sucesso gerou entre os visitantes. ”Fomos para servir 200 almoços e acabamos por servir 600, quase todos os dias”, sublinhou Luís Tarenta, adiantando que “nos últimos da mostra ficámos quase sem matéria-prima para os pratos devido à afluência”.
Além da equipa do hotel Hilton, o formador da EHTO também contou com ajuda do aluno Diogo Simões. “Foi uma experiência espetacular e uma oportunidade única, que me permitiu representar o país a fazer aquilo que mais gosto, que é cozinhar”, frisou o aluno.
Após esta experiência, Luís Tarenta está a programar um “possível almoço dedicado à gastronomia mexicana”, no restaurante pedagógico “Ferreira da Silva” da EHTO.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar