Login  Recuperar
Password
  19 de Fevereiro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Óbidos
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Proteção Civil Municipal de Óbidos faz recomendações para o frio

O mês de janeiro é habitualmente a altura do ano mais fria do ano. A Proteção Civil Municipal de Óbidos enviou comunicado com recomendações gerais para a população. A exposição ao frio intenso, particularmente durante vários dias consecutivos, pode contribuir para a transmissão de doenças infeciosas do aparelho respiratório e provocar lesões relacionadas com o frio.

16-01-2019 |

A exposição ao frio intenso pode contribuir para a transmissão de doenças infeciosas do aparelho respiratório
A exposição ao frio intenso pode contribuir para a transmissão de doenças infeciosas do aparelho respiratório
O enregelamento e hipotermia entre outros problemas de saúde graves podem obrigar a cuidados médicos de emergência.
Portanto as recomendações principais da Proteção Civil Municipal de Óbidos são para manter o corpo hidratado e quente e protegido do frio. Aconselha ainda a manter a casa quente, especialmente atento se tiver algum problema de saúde e para estar em contacto e atento aos outros. Antes de um período de frio esta entidade aconselha o seguinte: Verifique se os equipamentos utilizados para aquecimento estão em condições de ser usados e o estado de limpeza da chaminé da lareira; coloque um termómetro dentro de casa em local visível; calafete portas e janelas para evitar a entrada de ar frio e a saída do calor acumulado; no caso de estar prevista a ocorrência de um período de frio intenso ou neve forte, assegure-se de que dispõe dos bens necessários para 2 ou 3 dias, de modo a evitar sair de casa. Atenda às necessidades de bens alimentares, água potável, medicamentos e botijas de gás suplementares, se for o caso e mantenha-se atento às previsões meteorológicas.
Durante um período de frio do domicílio a Proteção Civil Municipal de Óbidos avisa a manter a temperatura da sua casa entre os 18ºC e os 21ºC. Se não conseguir aquecer todas as divisões da casa, tente manter a sala de estar quente durante o dia e aqueça o quarto antes de se ir deitar.
Se utilizar lareiras, braseiras, salamandras ou equipamentos de aquecimento a gás mantenha a correta ventilação das divisões de forma a evitar a acumulação de gases nocivos à saúde, evitando os acidentes por monóxido de carbono que podem causar intoxicação ou morte.
Aconselha ainda a não utilizar fogão a gás, forno ou fogareiro a carvão para aquecer a casa. Também não deve utilizar equipamentos de aquecimento de exterior em espaços interiores.
Evite dormir/descansar muito perto da fonte de calor. Apague ou desligue os sistemas de aquecimento antes de se deitar ou sair de casa, de forma a evitar fogos ou intoxicações.
Promova uma boa circulação de ar, não fechando completamente as divisões da casa, mas evite as correntes de ar frio.
Mantenha sob vigilância a utilização de botijas de água quente, para evitar o risco de queimadura.
Cuidados pessoais e vestuário
Mantenha a pele hidratada, principalmente mãos, pés, cara e lábios.
Use várias camadas de roupa, em vez de uma única muito grossa, e não use roupas demasiado justas que dificultem a circulação sanguínea;
Proteja as extremidades do corpo (com luvas, gorro, meias quentes e cachecol) e use calçado adequado às condições meteorológicas e evite andar descalço no chão frio ou e molhado.
Quanto à alimentação, esta entidade aconselha as pessoas a fazerem refeições mais frequentes encurtando as horas entre elas, dando preferência a sopas e a bebidas quentes, como leite ou chá.
Sugere também o aumento e o consumo de alimentos ricos em vitaminas, sais minerais e antioxidantes (por exemplo, frutos e hortícolas), pois contribuem para minimizar o aparecimento de infeções. A proteção civil recomenda ainda uma alimentação variada e saudável, evitando alimentos fritos, com muita gordura ou açucarados. Evite bebidas alcoólicas que provocam vasodilatação com perda de calor e arrefecimento do corpo e avisa para evitar atividades e exercício físico no exterior.
Mantenha a prática de exercício físico habitual, mas em situações de frio intenso evite fazer exercício físico de esforço ao ar livre. Se tiver de realizar trabalho de intensidade física, proteja-se com roupa adequada e vá doseando o esforço. Procure um local abrigado se a temperatura diminuir e houver muito vento.
Em caso de frio intenso sugere que as pessoas façam pequenos movimentos com os dedos, os braços e as pernas evitando o arrefecimento do corpo. Orienta também para a importância de se manter seco e evitar arrefecer com a roupa transpirada no corpo. Beba água antes, durante e depois da atividade física para evitar a desidratação.
Para além das recomendações anteriores, tenha em conta as orientações da DGS para proteção contra a gripe.
Em caso de emergência ligue para o 112. Para mais informações ligue para SNS 24: 808 24 24 24.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar