Login  Recuperar
Password
  16 de Agosto de 2018
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Opinião
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Que tristeza ter preconceitos…

Tento há anos entender a palavra “preconceito“ e o motivo de tanto preconceito entre os humanos!

24-07-2018 | Maria Dulce Horta

Maria Dulce Horta
Maria Dulce Horta

Procuro os motivos para a existência dos racismos, e realmente nunca encontrei…mais, percebo que se não existisse tudo isto o mundo teria muita mais paz, não haveria tantas guerras, seria cada um em seu lugar…mas é muito feio!
Tenho amigos de todas as cores de pele e pele não é raça! Raça é de animal, e nem por isso eles se odeiam pela cor de seus pêlos…
Sabemos todos que não existem muitos animais dando exemplos. Vi, vejo e penso pessoalmente, e pergunto, nós humanos, somos os seres mais inteligentes de todos?
Mentira não somos, fazemos guerras, mortes, temos preconceitos, e tantas outras “parvoíces” que nos foram metendo na cabeça à medida que o nosso desenvolvimento intelectual foi desenvolvendo, não generalizo, como é logico.
A falta de estrutura, a falta de bases em famílias também é culpa…mais e o que é culpa? Será que o culpado é aquela pessoa, que não anda que não desenvolve psicologicamente, será que a culpa é quem nasce sem um braço? A culpa talvez é da pessoa que tem SIDA?
Ou também, de quem é branco de mais, ou negro de mais, ou de quem tem estrabismo…
Quem sabe, que o seu corpo é mais forte do que o dos outros, a culpa também pode ser de um daqueles que é sozinho, que chora a tristeza que tem no seu coração...
É fácil culpá-los, difícil é ajudar pessoas que precisam tanto de nós. A culpa maior, não é de quem sofre, mas mais de quem faz sofrer; mais, é como as ondas do mar, sempre que voltam a bater na areia da praia, será que ela lhe faz assim tanto mal?
Entendam uma única coisa, todos somos seres vivos capazes de fazer tudo o que o outro faz e agora pergunto;
Qual a diferença de um negro para um branco? De um rico para um pobre? O que torna um ser humano melhor que o outro? Nada!
Existem pessoas que se julgam as melhores que outras da nossa sociedade e porquê? Dinheiro, cor, status, intelecto, mais alto ou mais baixo, não podem existir essas diferenças, será que é algumas destas palavras que citei é a causadora do preconceito, e que diz quem ela é? Somos todos iguais, todos, e deixemos de uma vez por todas rotular seja quem for.
Será que também é só o racismo de um negro que não gosta de um branco? Ou é o próprio negro que às vezes se julga inferior?
Será que nos podemos comparar com psicopatas, que só pensam neles e a verdade é a deles somente deles?
Podemos dizer que somos mais miseráveis que um mendigo, talvez, mas é só por ter compaixão, por nada mais…
Devemos parar de ver as pessoas como se fôssemos melhores ou piores do que elas.
Penso que se deve aprender de vez, a dar valor, ao que temos, ao que somos,
Abrir os olhos e juntos, lutar por uma sociedade, menos egoísta; menos psicopata.
Vamos todos juntos, viver em paz…paz interior, aceitar as pessoas como são, com valores e sentimentos, mas sem o tal de preconceito e dar as mãos em busca de um mundo melhor.
Não é a cor de sua pele, ou não ter um braço, ou seja o problema que for, que irá barrar sua capacidade de viver...
Não vamos deixar que existam pessoas que tenham preconceitos, porque o preconceito é uma tristeza…
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar