Login  Recuperar
Password
  19 de Fevereiro de 2019
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Cultura, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

“Dois narizes num mar de plástico” no Teatro da Rainha

Depois das apresentações no O´Culto da Ajuda – sala da Miso Music Portugal – no início de 2019 para várias escolas do concelho de Lisboa, “Dois narizes num mar de plástico” regressa em fevereiro à Sala Estúdio do Teatro da Rainha, nas Caldas da Rainha, para uma série de apresentações durante a semana para o público escolar de Caldas da Rainha e dos concelhos vizinhos, e aos domingos para o público em geral.

06-02-2019 |

A peça é um alerta para a morte dos oceanos (foto Margarida Araújo)
A peça é um alerta para a morte dos oceanos (foto Margarida Araújo)
“Dois narizes num mar de plástico” é um alerta para a morte dos oceanos. Há extensões de plástico nos oceanos que são maiores do que países, e essa invasão do plástico tem morto animais e habitats, sendo notório que entrou já no circuito alimentar de muitas espécies sob a forma também de micro-plástico.
O espectáculo tem a particularidade de ter sido criado a partir de materiais reciclados e apanhados em praias, neste caso da zona Oeste, que foram o suporte da cenografia e dos objetos manuseados pelos atores em cena. As representações terminam sempre com a participação dos pequenos e grandes espetadores. A explicação da cenografia, dos sons que acompanham o espetáculo e até “uma volta de golfinho” no cenário fazem parte da ligação que se pretende estabelecer entre o público e cena.
A peça decorre para escolas de 5 a 28 de fevereiro, às 11h00 e às 14h30, mediante marcação, e nos dias 10, 17 e 24 de fevereiro, às 16h00, para o público em geral.
É uma criação conjunta de Nuno Machado, José Carlos Faria e Fernando Mora Ramos
Tem a duração aproximada de 45 minutos e os bilhetes custam dois euros para as crianças e quatro euros para adultos.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar