Login  Recuperar
Password
  27 de Setembro de 2021
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Economia, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Pão caseiro no forno de lenha é na roulotte “À Lá Bacalhau” no Coto

A roulotte “À Lá Bacalhau” estacionou de vez na freguesia do Coto e tem sido um grande sucesso na venda de pão caseiro feito em forno de lenha. Aqui nasce, cinco dias por semana, um pão especial, que remonta ao que antes se fazia nas aldeias onde todo o processo se faz de forma tradicional. Também há pão com bacalhau e pastelaria diversa.

19-12-2020 | Marlene Sousa

Fabrico do pão como era feito antigamente
[+] Fotos
Fabrico do pão como era feito antigamente
Já não precisa de esperar pelas feiras ou eventos de comida de rua para pedir pão e bola de bacalhau, pão com chouriço ou com torresmos.
A carrinha “À Lá Bacalhau”, estacionou na rua da Escola no Coto, e é lá que serve várias iguarias todas feitas de forma artesanal e em forno de lenha. O projeto, traz ainda uma nova esplanada ao Coto, onde pode beber uma cerveja ou um café, ou provar as arrofadas (pão de deus), bolas de berlim e croissants.
E agora para a época festiva, há vários tipos de Bolo Rei e até o Transmontano feito com enchidos.
O responsável é Marco Russo, que trouxe para o concelho das Caldas da Rainha o fabrico do pão como era feito antigamente – farinha, água e sal, de fermentação lenta e com leveduras naturais. A massa, é deixada a levedar lentamente e a cozedura é no forno de lenha. Há várias fornadas ao longo do dia, especialmente ao fim de semana onde vêm vários clientes de outras freguesias do Concelho, para adquirir o pão.
O JORNAL DAS CALDAS, esteve com o padeiro enquanto ele punha uma fornada no forno. Quando se entra na esplanada aquele cheirinho a pão quente abre logo o apetite.
Marco Russo, sempre viveu à volta da área da panificação e pastelaria. “O meu pai tinha uma fábrica de pão, folhados e croissants em Lisboa”, disse o responsável, que cresceu na fábrica, onde aprendeu com o pai a habilidade do fabrico próprio. “Comecei a trabalhar cedo e não me arrependo, porque aprendi muito”, salientou.
Ainda jovem, há cerca de vinte anos, decidiu vir para as Caldas onde trabalhou numa padaria na cidade.
Abraçou este projeto há cerca de um ano com o seu irmão, Nuno Russo que é arquiteto em Lisboa. “Tinha o desejo de criar, ou ter algo meu, então adquiri esta roulotte e em parceria com o meu irmão iniciámos o negócio”, contou.
Marco trata do fabrico e o seu irmão da contabilidade e questões burocráticas. O objetivo era vender em feiras e eventos onde chegou a participar no Caldas Street Food Festival.
Com a chegada da pandemia e os eventos cancelados reinventou o negócio e colocou a roulotte junto à casa do seu padrasto e da sua mãe no Coto, e começou a fazer pão caseiro e pastelaria, até para ajudar a população a enfrentar a quarentena. “Na altura havia muitas pessoas com medo de ir aos supermercados e o nosso pão e arrofadas artesanais começaram a ter fama”, explicou Marco Russo.
A roulotte “À Lá Bacalhau”, está no Coto desde março, e uma vez que o negócio corre muito bem decidiram fixar-se num espaço novo à beira da estrada da freguesia, agora com uma esplanada maior e com mais conforto.
O objetivo é inovar e ter iguarias novas que marquem a “diferença do que já existe nas Caldas”. No futuro, Marco Russo pretende abrir um estabelecimento.
Para a época festiva, tem bolo-rei, bolo rainha, bolo rei de chocolate, escangalhado, bolo rainha com doce de ovo, bolo rainha com doce de amêndoa, broas de melaço e filhós de cenoura. Nasceu também o bolo transmontando, feito com enchidos, que tem tido muito sucesso. Marco Russo, tem uma parceria com Ricardo Filipe, que vende os bolos desta época festiva no Quiosque da Fonte (Rotunda da Fonte Luminosa).
Para beber, a roulotte “À Lá Bacalhau”, a carta tem café e todo o tipo de bebidas tradicionais, do galão ao chocolate quente. Também tem cerveja e vinho a copo. Da ementa também faz parte vários petiscos como moelas, bifanas, entre outros.
Estão abertos de quarta a domingo. Para encomendas o telefone é o seguinte: 931363799.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar