Login  Recuperar
Password
  18 de Janeiro de 2022
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Escolhas do Editor, Cultura, Caldas da Rainha
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Rota cultural dedicada a Bordalo Pinheiro é inaugurada a 17 de outubro

O presidente da Câmara das Caldas anunciou que está apontado o dia 17 de outubro para a inauguração da Rota Bordaliana. Estão a ser feitos últimos preparativos para a colocação das figuras de cerâmica gigantes que darão a conhecer o trabalho e história de Bordalo Pinheiro, com a instalação de grandes caixas de vidro em alguns pontos da cidade.

29-09-2015 |

As peças foram construídas na Fábrica Bordalo Pinheiro
As peças foram construídas na Fábrica Bordalo Pinheiro
O primeiro ponto desta Rota, que contará com cerca de 20 figuras de cerâmica, foi a fonte na rotunda na Avenida 1º de maio, onde se destaca uma rã com 1,4 m, no centro do plano de água.
Desde aí, a Fábrica Bordalo Pinheiro – criada em 1884 pelo artista – tem vindo a construir as restantes peças que agora estão concluídas e quase prontas para serem colocadas em vários espaços da cidade.
Com esta Rota o Município pretende “valorizar um importante ativo e contribuir para que os visitantes e munícipes de todas as gerações conheçam melhor a história e o trabalho de Rafael Bordalo Pinheiro” e que se mistura com a da própria cidade.
O conhecido Zé Povinho, a Saloia, o Padre Cura, rãs, gatos, sardões, caracóis, folhas de couve, entre outros elementos característicos da estética bordaliana, vão estar espalhados pelas ruas da cidade, em fachadas de prédios e até penduradas em árvores.
Pensada para ser efetuada a pé, a Rota Bordaliana oferece um percurso mais longo, que demora aproximadamente duas horas a ser completado.
Começa no Largo da Estação, passa por vários pontos turísticos, relacionados com o artista e com o seu trabalho, terminando na Fábrica de Faianças e Casa Museu Rafael Bordalo Pinheiro.
Uma Rota mais curta, com cerca uma hora, aponta apenas os locais onde estarão as peças cerâmicas de grande escala.
É precisamente para acolher e proteger estas peças com mais de 1,80m de altura que servem as caixas de vidro reforçado que estão atualmente a ser instaladas.
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar