Login  Recuperar
Password
  18 de Janeiro de 2022
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Sociedade, Óbidos
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro mantém prémios monetários para os melhores alunos

13-10-2011 |

Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro mantém prémios monetários para os melhores alunos
Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro mantém prémios monetários para os melhores alunos
O Ministério da Educação suspendeu o prémio de 500 euros aos alunos que acabaram o secundário com as melhores médias mas a Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro recusou-se a deixar os estudantes sem o prémio. A direcção deste estabelecimento de ensino reuniu e decidiu instituir o prémio de mérito de 500 euros aos dois melhores alunos finalistas do ensino secundário, um dos cursos tecnológicos e um dos cursos científico-humanísticos. António Veiga, director da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, considerou que a situação criada, já depois dos alunos terem sido avisados de que iriam receber o prémio, era injusta. Assim sendo, a Rafael Bordalo Pinheiro assumiu, do seu orçamento, o pagamento de mil euros que estavam previstos aos dois melhores alunos do Secundário. Segundo o director, a escola vai também cumprir a alternativa que o Governo propôs e os 1000 euros que estavam atribuídos a cada aluno serão atribuídos a projectos de escola e a projectos de apoio aos alunos mais carenciados. A 30 de Setembro, celebrou-se a cerimónia do Dia do Diploma e a Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro entregou os diplomas de conclusão, diplomas de quadro de mérito, e diplomas de quadro de excelência aos estudantes. Os melhores alunos que receberam 500 euros cada foram Francisco Olivença Miguel, Curso de Ciências e Tecnologias, e Márcia Filipa Leal Sábio, do Curso Tecnológico de Desporto. No Dia do Diploma, o auditório da Escola Rafael Bordalo Pinheiro encheu com professores, estudantes e seus familiares. Presença habitual neste dia de festa, o vereador responsável pelo pelouro da educação, Tinta Ferreira, nas palavras que dirigiu aos presentes destacou o papel dos estudantes e felicitou os premiados. Segundo António Veiga, a cerimónia decorreu “sem pompa e circunstância, mas com muita alegria”. O director da Escola enquadra o Dia do Diploma como um marco que assinala “o trabalho, o esforço, o empenho e a determinação” dos alunos. Expressou ainda o desejo de que as distinções “favoreçam a motivação de todos para superar as dificuldades e para que sejam cada vez melhores”. A cerimónia ficou ainda marcada pela entrega da menção para o “Quadro de Valor” à turma do 12º ano do curso Técnico de Design, que desenvolveu acções exemplares, de benefício social. “A turma recebeu a Diana, uma jovem que se move em cadeira de rodas e fez dela uma pessoa feliz”, sublinhou António Veiga. O Dia do Diploma foi ainda brindado com uma interpretação musical de instrumentos  (flauta e guitarra), dinamizada por dois professores. Os alunos do quadro de excelência são: Rúben Desidério Ferreira 7ºB; Iúri Cristiano Hilário Simões 8ºA;Sara Fernandes Fialho 8ºB; Beatriz Isabel Fernandes Dinis 9ºA; Eunice Traversa Miguel 9ºA; Patrícia Daniela Ferreira de Faria 9 ºB; Bernardo Francisco I.V. de Almeida 10ºLH1;Ana Isabel Figueiredo Santos11ºAV1;Pedro Jorge Soveral Elias 11º AV1; Maria Inês Gomes da Fonseca Garcia 11º AV1; Diana Bernardes Teixeira 12ºCT1; Francisco Olivença Miguel 12º CT1; Marta Inês Amado Correia 12º CT1; Anaisa Tomé Monteiro 12º AV1; Filipa Alexandra Martins Brás 12º AV1; Francisco Sousa Ferreira 12º AV1; Ana Alexandre Correia Saraiva12º TD1; Inês Timóteo Faria 12º TD1; Márcia Filipa Leal Sábio 12º TD1.   Apresentação das Provas de Aptidão Profissional   Como forma de enriquecer o dia do Diploma, a escola secundária levou a cabo da parte da tarde uma sessão pública de apresentação das melhores Provas de Aptidão Profissional (PAP) dos alunos finalistas dos Cursos Profissionais. O objectivo desta iniciativa foi apresentar os melhores projectos aos alunos que iniciaram agora o 3º ano e que vão também começar a trabalhar nas PAP. Alguns elementos do júri externo também compareceram a esta apresentação e elogiaram o empenho e os trabalhos dos alunos. Segundo, Maria do Céu Santos, coordenadora dos Cursos Profissionais da Escola Secundária Rafael Bordalo Pinheiro, as PAP provam que eles estão aptos profissionalmente para exercer a profissão. “Muitos dos trabalhos têm propostas muito interessantes”, disse a responsável, adiantando que “este projecto é feito ao longo do ano, acompanhado pelos professores e depois é sujeito a um júri externo que o avalia”. Remodelações de restaurantes, criação de empreendimentos turísticos e promoção do turismo nas Caldas foram alguns temas das PAP dos alunos finalistas.   Marlene Sousa  
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar