Login  Recuperar
Password
  18 de Janeiro de 2022
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Sociedade
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Jovens lusodescendentes de França levaram a cabo campanha de Segurança Rodoviária intitulada "Sécur'été"

25-08-2011 |

Jovens lusodescendentes de França levaram a cabo campanha de Segurança Rodoviária intitulada
Jovens lusodescendentes de França levaram a cabo campanha de Segurança Rodoviária intitulada "Sécur"été"
A Cap Magellan, principal associação de jovens lusodescendentes de França, organizou pelo 9º ano consecutivo uma campanha de Segurança Rodoviária intitulada "Sécur'été". Esta campanha é dirigida aos automobilistas em geral, mas particularmente aos portugueses e lusodescendentes residentes em França e em toda a Europa, que se deslocam de carro a Portugal durante as férias de Verão. Tendo decorrido em 3 países, França, Espanha e Portugal, esta campanha procurou sensibilizar a opinião pública para os perigos das viagens longas (fadiga, excesso de velocidade, etc.) e para as precauções a ter (preparação do veículo, parar de 2 em 2 horas para descansar, etc.). Pretendendo tocar os jovens, nomeadamente aquando das saídas nocturnas, a campanha tinha ainda como objectivo alertá-los para os perigos da condução sob o efeito de álcool. Segundo comunicado enviado por Luciana Gouveia da Cap Magellan, como já é habitual em cada ano, esta Associação voltou a acompanhar os automobilistas nas estradas em direcção a Portugal, recebendo-os nas fronteiras de Vilar Formoso, Valença e Vila Verde da Raia. Tanto no norte como no centro do país, passando também por Lisboa, a equipa da Cap Magellan percorreu cerca de 4000 quilómetros um Toyota Auris Híbrido cedido pela marca Toyota especialmente para a campanha para informar sobre o código da estrada, para alertar para os perigos daí decorridos e sobre as precauções a ter, para distribuir material informativo (Guias de Verão 2011, folhetos, mapas rodoviários...). À saída das discotecas os condutores “sopravam no balão” para verificar as taxas de alcoolemia. De Valença a Vilar Formoso, passando por Vila Verde da Raia, de Viana do Castelo a Lisboa, passando por Fafe, Chaves, Vila Real, Figueira de Castelo Rodrigo, Figueira da Foz, Leiria, Marinha Grande, Nazaré, São Martinho do Porto, Vieira de Leiria, Pedrógão, São Pedro de Moel e até Castelo Branco e Vilamoura, era difícil não cruzar com a equipa desta Associação. “Se não se cruzou connosco numa das áreas de serviço portuguesas, em França ou Espanha, ou no norte de Portugal, ou nas fronteiras, encontraram-nos certamente em lugares turísticos como nas praias, o Santuário de Nossa Senhora de Fátima ou então no Mosteiro da Batalha ou de Alcobaça”, referiu, Luciana Gouveia, adiantando que “para os amantes da diversão nocturna, estivemos também presentes à saída de várias discotecas, nomeadamente na Look’s de Vila Real, na Factory de Fafe, na Império Romano da Marinha Grande, na Platz de Chaves e numa noite muito especial em parceria com a VIP na Palace Kiay de Pombal”. Segundo esta responsável a Cap Magellan esteve ainda na Beach Party na Praia das Paredes. “Alguns lembravam-se inclusive de nos terem encontrado aquando do lançamento da campanha, no dia 8 de julho na discoteca La Costa na região parisiense de Villeneuve-St-Georges. E muitos viram ainda o anúncio publicitário que passou na RTP e ouviram ainda os anúncios de segurança rodoviária divulgado pelas rádios parceiras do evento”. Foi precisamente durante estas acções nocturnas que a campanha obteve maior impacto. O desafio da pulseira “Sécur’été” era lançado a cada condutor: e todos os que tinham a pulseira eram submetidos no final da noite ao conhecido “balão”. De acordo com Luciana Gouveia, elemento da Associação, “a nós cabia dissuadir da condução quando a taxa legal de alcoolemia era ultrapassada. A inicial admiração perante um grupo de jovens, vestidos da mesma maneira, com testes de álcool na mão, dava lugar à curiosidade e vontade de “participar no jogo” soprando o “balão mágico”. “Amarelo, perfeito! Verde, atenção, não pode conduzir nesse estado!” Se os discursos variavam, o espírito era o mesmo: convencer aqueles que não estavam em condições de conduzir de deixar o automóvel a outra pessoa. “Desafio largamente alcançado!”, diz esta responsável no comunicado, acrescentando que estavam orgulhosos de “constatar que muitos grupos tinham já à partida designado um “Sam” e, como impõe a tradição, o “Sam” não bebe porque é o “Sam” que conduz”. “Noutros casos, em que a taxa de alcoolémia ultrapassava o limite legal, a pessoa aceitava voluntariamente dar a chave a um amigo sóbrio. Agradecemos particularmente à discoteca Palace Kiay onde este jogo funcionou perfeitamente”, acrescentou Luciana Gouveia no comunicado. A Cap Magellan tem ainda mais motivação para manter esta campanha anual de prevenção e segurança rodoviária. “Porque, mais uma vez, fazemos um balanço positivo destas acções de sensibilização, que foram úteis mais do que num caso, informando sobre os perigos na estrada, convencendo alguns a deixar o volante a alguém sóbrio. Tudo num ambiente de bom humor, com a distribuição do nosso Guia de Verão 2011, com indicações sobre os lugares a visitar em Portugal e das actividades a realizar durante as férias”. Por todas estas razões, diz o comunicado “esta campanha continuará de ano para ano, porque as acções a favor da nossa segurança a todos nunca são demais. E mais uma vez, as estradas portuguesas conheceram novamente acidentes trágicos, o que só nos motiva a continuar sempre”. A organização, agradece a todos os parceiros, “à madrinha desta edição – Elisabete Jacinto -, assim como a todos os voluntários. Esta campanha não teria sido possível sem o vosso apoio e compromisso”.   Marlene Sousa    
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar