Login  Recuperar
Password
  18 de Janeiro de 2022
Estão utilizadores online Existem actualmente entidades no directório

Pode fazer o registo (grátis) do seu mail pessoal/ profissional e ter acesso privado, password e serviços personalizados, nos sites e redes sociais dos jornais. Terá uma assinatura digital de Grupo (gratuita), mas personalizada. Pretende registar-se?

Registar-se com o seu email pessoal/ profissional

(aguarde 5)
Siga a nossa página Google Plus Siga a nossa página Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Picasa Siga-nos no YouTube Dispositivos móveis Assine a edição impressa
Óbidos, Regional
Imprimir em PDF    Imprimir    Enviar por email   Diminuir fonte   Aumentar fonte

Parque de Dinossauros da Lourinhã abre na Páscoa

19-01-2012 |

Parque de Dinossauros da Lourinhã abre na Páscoa
Parque de Dinossauros da Lourinhã abre na Páscoa
O Parque de Dinossauros da Lourinhã - considerado “o maior do mundo”, dentro da sua tipologia - está cada vez mais perto de ser uma realidade, prevendo-se que abra as portas na Páscoa de 2013. No dia 13 de janeiro foi dado mais um passo em frente para a sua concretização. O presidente do Município, José Manuel Custódio e Franz-Josef Dickmann, representante do Dinosaurier.Park de Müchenhagen, assinaram uma carta de intenções que estabelece os termos da cooperação entre as duas entidades. Sob o lema “science is fun” (“a ciência é divertida”) o equipamento cultural, científico e de lazer vai seguir a ideia do Parque de Dinossauros alemão, que venceu o concurso de ideias criativas para o parque temático lourinhanense. Responsável pelo projeto do parque, a empresa alemã estima que o investimento total não deva ultrapassar os 10 milhões de Euros, incluindo a construção de edifícios, infraestruturas, a criação de percursos ao ar livre e a aquisição de conteúdos museológicos. Bernd Wolter, mentor do Museu de Münchenhagen e de outros parques similares em todo o mundo, destacou que se pretende uma estrutura economicamente “sustentável” tanto no início do seu funcionamento como no futuro. Tal como na Alemanha, a vertente museológica vai ser aliada a “uma forte componente ao ar livre”. O pinhal municipal – localizado nos Camarnais - foi o cenário escolhido para receber este equipamento que mudará, para sempre, o turismo na Lourinhã, projetando nacional e internacionalmente o património jurássico do concelho. O novo complexo acolherá, de uma forma condigna, o espólio até agora patente no Museu da Lourinhã, conferindo condições adequadas à investigação científica, acondicionamento e exibição do acervo existente. A componente ao ar livre abrirá portas à imaginação, com a recriação de cenas do jurássico que incluem 250 modelos em tamanho real, dispostos em percursos direcionados para a ciência, diversão e conhecimento. A ideia é mostrar a evolução dos vertebrados na Terra até aos nossos dias, numa viagem de muitos milhões de anos, onde serão incluídas as relevantes descobertas paleontológicas registadas em solo lourinhanense. E é precisamente uma dessas descobertas que figurará como a maior réplica presente na área do parque – um dinossauro português vai elevar-se à altura de um prédio de 3 andares, olhando bem do alto os visitantes. Os responsáveis alemães mostraram-se entusiasmados com esta parceria – iniciada há vários anos através de um primeiro contacto com o diretor científico do Museu da Lourinhã, Octávio Mateus. Para estes investidores, seduzidos pelo potencial da Lourinhã, “é incrível poder participar na construção do maior parque de dinossauros do mundo”. “Estamos entusiasmados, a Lourinhã é um local de descobertas incríveis“ disseram, destacando que “a questão dos dinossauros está ancorada no coração das pessoas da Lourinhã”.      
Tags:
COMENTÁRIOS
Deverá efectuar Login ou fazer o Registo (Grátis) para poder comentar esta notícia.
pub
Booking.com
Ciência & Tecnologia

A carregar, por favor aguarde.
A Carregar

    Notícias Institucionais

    A carregar, por favor aguarde.
    A Carregar